Category: filme


>Lost e um violão…

>

Nada demais… pelo menos é melhor do que não dizer nada… eu acho…
Eu finalmente me rendi a Lost… fiquei um bom tempo sem querer assistir, mas tudo quanto é comentário que eu ouvi foi sempre positivo… e cada vez mais, pessoas cuja opinião eu respeito foram relatando motivos pelo qual eles acham Lost interessante e por isso, depois de tanto tempo, eu resolvi assistir…
Eu estou achando bem bacana e assistir mais de um episódio por vez, tendo tempo, é claro, é muito fácil… mas algo no sexto episódio me chamou a atenção mais do que eu acho que arriscaria dizer que chamou a atenção dos outros… e isso foi quando o Charlie encontrou o violão dele… aquilo é filme? É… o cara é um ator? É… ele sabe tocar? Não sei, mas provavelmente não (o resto da série talvez responda, eu pausei pra escrever isso)… mas, eu consegui entender a felicidade do cara quando ele encontrou o violão dele…
Eu editei esse post pois eu acabei de fazer o upload do trecho do video… é possível que ele saia do ar por causa de direitos autorais e tal… mas por enquanto, assistam pra saber a que cena eu me refiro:
…rs… escrevi só pra dizer isso…
Fui!
Advertisements

>

Post no mesmo dia, porém curto! 
A gente cresce! É interessante o quanto a gente se contextualiza! 
Na onda de baixar e rever/assistir filmes, eu baixei “Electric Dreams”… o filme é de 1984 (e eu sou de 1980) e devo ter assistido esse filme com 6 ou 8 anos… hoje, com 29, tem muito mais coisa fazendo sentido do que naquela época… é engraçado… ok… só isso… 
Fico por aqui… eu quis postar também a trilha sonora do filme, mas o seeqpod tá fora do ar, então, fica o YouTube mesmo…

Segue também o trailer:

E o video da música que é tocada mais ou menos no começo do filme… aliás, interação é o que faz a música divertida… seja numa banda, ou seja eu tocando e alguém cantando, etc… nesse filme tem esse exemplo (o final tá em Francês, mas o filme é Americano):

Estou na última taça do vinho que eu comecei no post anterior… acabando por aqui, vou caçar comida…
1234 SEMPRE!

>Maior amor…

>

O amor é mensurável? Nessa minha onda de baixar filmes, o último que eu baixei pra rever foi “Romeu e Julieta”, a versão de 1996… aí, nos meus devaneios, eu me perguntei qual terá sido o maior dos amores que o mundo já viu e parei pra pensar nos maiores “amores” que eu vi… 
Romeu e Julieta 
Sam e Molly em Ghost 
Noah e Allie em “The Notebook”/“O Caderno de Noah” 
Seth e Maggie em “Cidade dos Anjos” 
Mr. Darcy e Lizzie em “Orgulho e Preconceito” 
Landon e Jamie em “Um Amor para Recordar” 
Robert e Francesca em “As Pontes de Madison” 
Dracula e Elizabetha em “Dracula de Bram Stoker” 
Jack e Rose em “Titanic” 
Jesse e Celine em “Before Sunrise/Sunset” 
Aragorn e Arwen em “O Senhor dos Anéis” 
Ross e Rachel em “Friends” 
Forrest Gump e Jenny 
Kevin Arnold e Winnie Cooper em “Anos Incríveis” 
Existe jeito de dizermos qual foi o maior? Ah, caso eu tenha esquecido de algum, let me know que eu atualizo a lista… 
Post curto de novo! \o/ 
Fico por aqui! 1234 SEMPRE! Tô precisando levar alguém no curso…

>August Rush…

>

Acabei de assistir o filme “August Rush”, em Português, “O Som do Coração”… 

“You never quit on your music, no matter what happens… because any time something bad happens to you… it’s the one place you can escape to let it go.”

“Music is all around us… all you have to do is listen.”

Fica a recomendação…

>Yes Man!

>

Uma coisa que eu fiz nessas férias que eu normalmente não faço, mas que começarei a fazer, é baixar filmes… nessa última semana, eu assisti Kung Fu Panda, Sete Vidas, Juno (novamente), Cloverfield, Wall E e Sim Senhor… gostei de todos… uns mais, outros menos… mas o que eu achei mais interessante foi o “Sim Senhor”… 
Pergunto-me… será que dá pra gente levar uma vida “Sim Senhor”? O conceito é interessante… e as consequências parecem ser… eu vou tentar… por pelo menos um mês, eu vou tentar… let’s see what happens… 
Obviamente, uma coisa que eu acho que uma coisa na qual posso esbarrar é a mesma coisa que o Carl (personagem do Jim Carrey) esbarra no filme, que é as pessas acharem que você topou alguma coisa por “ter que” dizem sim e não por querer… anyway, vamos ver o que acontece… 
Eu parei pra pensar em coisas que eu deixei de fazer recentemente e a lista não é pequena… pra constar: jogar vôlei de areia, participar de bolões de loteria, ir a um show sertanejo, assistir uma palestra sobre Budismo, assistir uma palestra sobre Ufologia, ir numa balada, entre outras… como eu disse, let’s see what happens…

A primeira coisa que me aconteceu após assistir esse filme foi um convite para ir ao shopping… comecei a escrever aqui enquanto o filme estava passando, e ele acabou agora… vou me arrumar e sair… 

Fico por aqui! Peace! 1234 SEMPRE!

>The Bucket List…

>Filme bacana… dormi em parte dele, como em quase todos os filmes que eu assisto com a Isa… rs…

…vou fazer uma “Bucket List” pra mim e depois coloco aqui… a lista deles foi:

  1. Witness something truly majestic
  2. Help a complete stranger for a common good
  3. Laugh till I cry
  4. Drive a Shelby Mustang
  5. Kiss the most beautiful girl in the world
  6. Get a tattoo
  7. Skydiving
  8. See the pyramids
  9. Get back in touch with Emily (Edward’s daughter)(previously “Hunt the big cat”)
  10. See Rome

…recomendo…

>Juno…

>Acabei de assistir pela segunda vez… vi pela primeira vez ontem… recomendo… e Ellen Page tem potencial para ser a minha nova Jennifer Connelly…